Notícias sobre Indaiatuba e Região com Kleber Patricio

Estúdio em Cena representa Indaiatuba na Gala dos Vencedores do Passo de Arte

Indaiatuba, por Kleber Patricio

A Cia. de Hip Hop do Estúdio em Cena. Foto: divulgação.

Em sua 25ª edição, o Passo de Arte levou ao palco do Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba (Ciaei) cerca de 3,5 mil bailarinos de 16 estados brasileiros, estudantes do Paraguai, Argentina e México. Dentre os destaques, estão os bailarinos da Estúdio em Cena, que, além de conquistarem troféus e medalhas, também garantiram participação na Noite de Gala do festival.

Com três coreografias premiadas em 1º lugar, a escola de dança de Indaiatuba volta a se apresentar no próximo domingo (16), quando todos os primeiros colocados retornam ao palco do Ciaei para também concorrerem a premiações em dinheiro.

“Do primeiro Passo de Arte em que participamos até aqui, consigo ver o amadurecimento da escola, dos bailarinos e dos professores. Procuramos sempre ouvir todas as correções e orientações, por isso é muito gratificante ver esse crescimento”, avalia a diretora e coreógrafa da Estúdio em Cena, Michelly Juste.

Nesta edição, o primeiro grupo da Estúdio em Cena a conquistar a vitória foi o Conjunto Contemporâneo Juvenil, com a coreografia Olhar Alheio, de Michelly Juste. Pela categoria Solo Livre, o bailarino Kaua Braz Andrade recebeu medalha de ouro com a apresentação de Não apague a luz, do coreógrafo Giovanne Frota. Já em Conjunto de Danças Urbanas Avançado, a cia. de hip hop da escola levou o troféu de 1º lugar com Vibração do Inconsciente, de Rafael Santos de Paula.

“2017 tem sido um ano de experiências novas. Estamos com um grupo com 31 integrantes, o que não é simples de se trabalhar. Mas, a nossa proposta sempre foi a de superação, tanto que estávamos há cinco meses trabalhando com a coreografia Vibração do Inconsciente, com muito estudo, dedicação e amor à dança. Estou muito feliz de poder, mais um ano, estar na Gala do Passo de Arte”, comentou o professor de Hip Hop da escola, Rafael Santos.

Além dos primeiros lugares, a Estúdio em Cena também conquistou a 3ª colocação com o Conjunto Contemporâneo Avançado Inerente e o 4º lugar com o Duo Contemporâneo Carta Aberta ao Amor, ambos da coreógrafa Michelly Juste.

Festival de Dança de Joinville

Na próxima semana, a Estúdio em Cena embarcará para Joinville, onde participará do seu tradicional Festival de Dança, considerado um dos maiores do mundo. Pelo segundo ano consecutivo participando da competição, a escola concorrerá nas categorias Solo de Dança Contemporânea (coreografia Cubus, de Giovanne Frota – Bailarino Kaua Braz Andrade) e Solo de Jazz Sênior (coreografia Um difícil adeus, de Priscilla Carotti – Bailarino: Giovanne Frota).

“A expectativa e ansiedade para irmos para Joinville são imensas. Dançar um trabalho naquele palco, que é o sonho de tantos bailarinos, já é mágico; ter um trabalho coreografado por mim é ainda mais especial”, reflete o bailarino e coreógrafo Giovanne Frota.