Notícias sobre Indaiatuba e Região com Kleber Patricio

Inscreva seu e-mail e participe de nossa Newsletter para receber todas as novidades

Indaiatuba lança campanha ‘Imposto de Renda Solidário’

Indaiatuba, por Kleber Patricio

O prefeito Nilson Gaspar (terceiro da esquerda para a direita) com os organizadores da campanha. Foto: Giuliano Miranda – RIC|PMI.

A campanha Imposto de Renda Solidário é realizada pelo departamento do Terceiro Setor da Secretaria da Família e do Bem Estar Social de Indaiatuba em parceria com a Faculdade Max Planck e Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cmdca) com o objetivo de destinar parte dos impostos que forem arrecadados através das declarações do IRPF (Imposto de Renda Pessoa Física) 2017 do exercício fiscal 2016. A campanha busca conscientizar, incentivar e auxiliar os contribuintes no preenchimento das declarações do IRPF e a destinação de parte do Imposto de Renda devido diretamente ao Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (Funcri).

Os beneficiados são as Organizações da Sociedade Civil (OSC) de Indaiatuba que estão regularizadas e acompanhadas pelo Cmdca e Terceiro Setor da Prefeitura. Não há acréscimo de ônus por conta da doação – os investimentos sociais serão retirados da própria contribuição já realizada, desde que o contribuinte na hora do preenchimento destine corretamente a doação.

O prefeito de Indaiatuba, Nilson Gaspar, apoia a campanha e pede a colaboração da população. “Essa ação é muito importante para a cidade; só no ano passado foram arrecadados R$900 mil, que foram destinados ao Fundo da Criança e utilizados em políticas públicas sociais. Quando o contribuinte faz esta opção, o valor é revertido para o Funcri e aplicado em projetos sérios desenvolvidos por nossas entidades. Estas instituições são fiscalizadas pela Secretaria da Família e do Bem Estar Social e pelo Cmdca”, explica Gaspar.

De acordo com o diretor do Terceiro Setor da Secretaria da Família e do Bem Estar Social, Rogério Silva Siqueira, essas organizações desenvolvem diversos projetos que visam trazer uma capacitação e qualificação das crianças e adolescentes assistidas pelos projetos sociais de Indaiatuba. “O maior objetivo desta campanha é estimular as doações ao Fundo da Criança, esclarecer dúvidas e apoiar a divulgação desse mecanismo legal, que dá à sociedade a possibilidade de participar e decidir que uma parte dos recursos arrecadados por meio do Imposto de Renda será aplicada no financiamento de políticas de atenção aos direitos da criança e do adolescente”, diz.

A presidente do Cmdca, Viviane Roberta Barnabé, complementa: “Quando você paga o IR para a União, ele se junta ao total dos recursosfFederais. Temos que esperar a liberação, que é igual para todos os Estados e Municípios. Ao invés do contribuinte destinar essa parcela do Imposto de Renda devido ao Governo Federal, ele tem a oportunidade de direcionar esse valor para os Fundos Municipais para que seja aplicado para financiar projetos e programas que garantam as crianças e adolescentes um futuro melhor”, relata.

O secretário da pasta, Luiz Henrique Furlan, também expõe: “Com essa ação, muitas ONGs serão beneficiadas, revertendo em atendimentos e benefícios para nossas crianças, adolescentes e investindo no futuro, podendo ainda acompanhar e fiscalizar a utilização dos recursos”, ressalta.

O coordenador do curso de Ciências Contábeis da Faculdade Max Planck, professor João Barduchi, também comenta: “Nos últimos três anos de realização, o evento tem contribuído de forma bastante significativa; afinal, é uma forma também de oferecer ao contribuinte a possibilidade de destinar 1% do Imposto de Renda devido a instituições do município de forma direta. Nesse período, o IR Solidário teve um impacto social de mais de três mil pessoas. Além disso, é uma forma de os alunos colocarem em prática os conceitos aprendidos em sala de aula. Sem contar a visão social que oferecemos a respeito da profissão”, finaliza.

Consulado brasileiro em NYC realiza homenagem a Zuza Homem de Mello

Música, por Kleber Patricio

Ercília Lobo e Zuza Homem de Mello em foto de família.

O jornalista, produtor e crítico musical Zuza Homem de Mello embarca hoje para Nova York com a esposa, a jornalista Ercília Lobo, para os primeiros takes do documentário Zuza Man of Jazz, sobre sua vida musical, em especial o jazz, que acabará por desembocar no jazz brasileiro e sua riquíssima música instrumental.

Na big apple, onde viveu enquanto estudou na prestigiada Juilliard School  – que provavelmente é uma das principais razões da viagem da equipe de produção aos Estados Unidos –, Zuza será homenageado pelo consulado brasileiro.

Pesquisa revela comportamento de consumidor do mercado gastronômico de Campinas e região

Campinas, por Kleber Patricio

Thiago La Torre e Veri Melilo, do Grupo La Torre. Foto: divulgação

O turismo de negócios é uma das vocações da região de Campinas. O setor de restaurantes responde por 5,5% do número total de estabelecimentos em atividade registrados na cidade de Campinas, de acordo com o último levantamento da RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), do Ministério do Trabalho. São, ao todo, 5200 estabelecimentos, que geram 35 mil empregos formais. No entanto, pouco se conhecia, até então, sobre o comportamento do público que movimenta o segmento gastronômico nas cidades da região. Pensando nisso, o Grupo La Torre acaba de divulgar uma pesquisa inédita sobre a gastronomia que revela dados importantes desse público. O levantamento foi realizado nos meses de janeiro e fevereiro com apoio da Prefeitura Municipal de Campinas, coletando ao todo respostas de 652 pessoas, o que permitiu que na maioria dos tópicos analisados a pesquisa conquistasse um índice de confiança de 90%, com margem de erro de até 8%.

Segundo constatou a pesquisa, a maioria do público frequenta restaurantes duas vezes, em média, por mês (24%). Os que frequentam os estabelecimentos uma vez por mês, em média, são (23%) dos que responderam, seguido por 3 a 4 vezes no mês (23%).

Quando perguntado se “busca ativamente conhecer novos estabelecimentos de Gastronomia”, a grande maioria dos entrevistados (84%), disse que sim, enquanto 18% disseram não. No item “quantos estabelecimentos de gastronomia você costuma frequentar”, 43% disseram de 3 a 4 estabelecimentos; 27% costumam sair de casa para ir de um a dois, 14% costumam ir de 5 a 6, 12% a mais de 8 e, somente 4%, de 7 a 8 restaurantes.

A pesquisa também quis saber qual o principal meio que a pessoa descobre novos estabelecimentos de gastronomia nas cidades da região. Para 56%, a recomendação é a melhor forma. Para 14%, o meio mais utilizado é através de postagens de amigos em redes sociais, 10% através de anúncios online, 10% em artigos de blogs e sites, 8% em artigos de jornais e revistas e 2% através de mídias tradicionais.

Quando perguntado “qual a principal razão que te faz ir a um novo estabelecimento de gastronomia”, 38% dos que responderam à pesquisa disseream que vão pela novidade e exclusividade, 28% pelas boas avaliações online, 19% a convite de amigos, 12% por promoções e descontos, 2% pela publicidade local e 1% por conta de eventos.

O levantamento também quis saber quanto ao gasto médio das pessoas que frequentam o setor gastronômico. Segundo 47% das respostas, o ticket médio gasto é de até R$100,00 por pessoa. 44% dos entrevistados dizem gastar até R$150,00, enquanto 4% até R$50,00 por pessoa, 3% até R$200,00 e 2%, mais de R$200,00.

De acordo com o presidente do Grupo La Torre Marketing Associados, Thiago La Torre, a pesquisa tem como objetivo contribuir para jogar luz neste segmento importante para a economia e ajudar os empresários na hora de traçar suas estratégias de negócios. “Os restaurantes dizem que tiveram o volume de vendas muito abalado com a retração econômica. Esta pesquisa permite tomar decisões cruciais para a sobrevivência do setor”, explica. “Fica claro: deve haver pratos para casais; deve haver novidades constantemente e foco total no relacionamento. Ações conjuntas no estilo roteiro gastronômico são uma opção viável com baixo investimento”, completa.

A diretora de Turismo da Prefeitura Municipal de Campinas, Alexandra Capriolli, destaca a importância da pesquisa para o setor da região de Campinas. Ela lembra que “Campinas tem a vocação para o turismo de negócios e precisa desenvolver este nicho. O Brasil está na 10ª posição no ranking de países que atraem eventos internacionais. Realizamos cerca de 590 mil eventos desde 2013, o turismo representa 4,3% do PIB brasileiro e a arrecadação chega a R$48 bilhões em impostos; portanto, o setor é um fomentador do desenvolvimento econômico.”

“Gostaria de ressaltar que hoje existe uma lacuna em relação a esses dados, especialmente quando se fala em uma pesquisa com uma base de dados tão ampla quanto a proposta. Como presidente do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau e como empresário do setor, posso dizer que esse levantamento será de fundamental importância para o planejamento dos estabelecimentos, especialmente em momento de crise como o que vivemos agora, pois norteará as tomadas de decisões com base nos desejos, demandas e opiniões dos clientes”, afirmou o presidente do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau, Gilson Oliveira.

Transporte público de Indaiatuba atinge 100% de acessibilidade

Indaiatuba, por Kleber Patricio

Motorista Fernando Luiz Cezare e cobradora Elaine Cristina de Lima operam o elevador de um dos ônibus. Foto: divulgação.

O Grupo VB Transportes, proprietário da Viação Indaiatubana, atingiu a marca de 100% da sua frota adaptada para o atendimento de pessoas com deficiência. Com a troca de 14 ônibus realizada na semana passada, todos os 64 veículos que atendem o transporte coletivo de Indaiatuba possuem elevadores.

“Agora, toda a frota está pronta para atender esse público mais necessitado e o transporte coletivo em Indaiatuba deu mais um salto de qualidade”, afirma Belarmino da Ascenção Marta Junior, diretor do Grupo VB. Dessa forma, Indaiatuba passa a ser uma das primeiras cidades do Brasil e da Região Metropolitana de Campinas (RMC) a ter toda a frota de ônibus acessível. “É mais um passo dentro do nosso compromisso de transformar Indaiatuba em modelo de transporte”, diz o executivo.

Todos os 125 motoristas e os 78 cobradores da empresa receberam treinamento para poder operar os ônibus equipados com elevadores. “O curso foi ministrado entre os dias 13 a 21 de fevereiro. Todos os colaboradores que trabalham embarcados estão capacitados para atender os usuários portadores de necessidades especiais de acordo com as normas vigentes”, enfatiza Belarmino Junior.

Romana lança linha de ovos para a Páscoa 2017

Campinas, por Kleber Patricio

Assim como faz todos os anos, casa traz novidades deliciosas e requintadas para a Páscoa. Foto: divulgação.

A Páscoa está chegando e o clima já é de doçura na Romana, uma das confeitarias mais tradicionais de Campinas. O aroma que domina o ar é de chocolate e, assim como em todos os anos, a equipe da casa, com mais de 20 anos de estrada, traz deliciosas novidades para os fanáticos por ovos de Páscoa.

Para este ano, a Romana apresenta quatro sabores: Nutella (creme de avelã); Frutas Vermelhas; Pistache e Tradicional. Com 350 gramas e feitos com chocolate belga, os ovos têm cascas generosamente recheadas.

Além de agradar o paladar, o visual do produto é outro ponto a destacar. A sobremesa pascal é vendida em uma caixa personalizada, perfeita para presentear com requinte e sofisticação.

Para os apreciadores de ovos de colher, a Romana mantém os clássicos. São combinações da massa de pão-de-ló e recheios de brigadeiro, brigadeiro de morango (bicho de pé) e bem-casado, todos envoltos em uma saborosa casca de chocolate. Essas opções possuem, em média, 800 gramas.

Assim como todas as Páscoas, a casa ainda oferece as colombas – na tradicional versão com frutas ou com gotas de chocolate –,  que fazem sucesso entre os pedidos e podem ser retiradas com pronta-entrega em qualquer uma das unidades da Romana. Os ovos estão à venda nas unidades Cambuí, Barão Geraldo, Viracopos e Parque D. Pedro Shopping.

Serviço:

Unidade Cambuí

Rua Coronel Silva Teles, 463, Cambuí – Campinas/SP

Telefone: (19) 3252-7000

Unidade Dom Pedro

Rua Guilherme de Campos, 500, Dom Pedro Shopping – Campinas/SP

Telefone: (19) 3209-0171

Unidade Barão Geraldo

Rua Maria Tereza Dias da Silva, 790, Cidade Universitária – Campinas/SP

Telefone: (19) 3289-1400

Unidade Viracopos

Rodovia Santos Dumont, km 66, Aeroporto Viracopos – Campinas/SP

Telefone: (19) 3795-8542

Facebook – www.facebook.com/confeitariaromana

Instagram – @confeitariaromana.

Página 30 de 416« Primeira...1020...2829303132...405060...Última »