Notícias sobre Indaiatuba e Região com Kleber Patricio

Inscreva seu e-mail e participe de nossa Newsletter para receber todas as novidades

Animação brasileira “Café, um dedo de Prosa” será exibida no Cineclube Indaiatuba

Indaiatuba, por Kleber Patricio

Foto: divulgação.

A próxima edição do projeto Cineclube Indaiatuba exibe, no dia 31 de outubro, às 19h30, o filme Café, um dedo de Prosa. A animação de Maurício Squarisi, do Núcleo de Cinema de Animação de Campinas, narra de modo leve e bem-humorado a história do café, mostrando sua importância na história do Brasil.

Tudo começa a partir do encontro de dois amigos – Vera Holtz e Wandi Doratiotto – em uma cafeteria. Apaixonados pela bebida, eles travam um bate-papo informal e descontraído sobre a história do café. Acompanhando esse diálogo, o público vai descobrindo, por meio do desenho animado, muitas curiosidades sobre a bebida mais popular do país, sua importância histórica e influência na economia, política e até na cultura brasileira. Em seu primeiro longa, o diretor Maurício Squarisi resgata questões como escravidão, Semana de Arte Moderna, imigração e muitas outras, sempre de modo bem-humorado e divertido, sem abandonar a preocupação com o rigor e precisão dos fatos, baseados no livro A História do Café, de Ana Luiza Martins.

Com 72 minutos, o filme é resultado de seis anos de trabalho, concluídos em 2014. Em 2017, a animação estreou nos cinemas de São Paulo, com codistribuição da Spcine, empresa de desenvolvimento do audiovisual da Prefeitura de São Paulo, e distribuição Polifilmes.

Maurício Squarisi e o Núcleo de Cinema de Animação de Campinas

Maurício Squarisi nasceu em Campinas em 1958 e tem uma longa carreira no mundo da animação, como realizador de filmes e professor. No vasto currículo estão dezesseis filmes realizados como diretor, além de participação em dezenas de outros trabalhos como produtor, animador e colaborador.

Também é cartunista e desde 1979 integra e dirige o Núcleo de Cinema de Animação de Campinas, ao lado de Wilson Lazaretti. Com mais de 40 anos de atuação e mais de 300 filmes produzidos, o núcleo é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve diversas atividades relacionadas ao ensino, pesquisa e divulgação de técnicas de animação. São duas linhas de produção de filmes de animação: os trabalhos autorais, realizados individualmente pelos diretores, e filmes realizados em oficinas, desenvolvidos com o objetivo de proporcionar aprendizado aos participantes. Já foram mais de 2500 oficinas de animação para crianças, jovens e adultos, em quase todos os estados brasileiros e em países como Portugal e Moçambique, entre muitos outros. Empresas ou quaisquer interessados em saber mais e conhecer a metodologia do Núcleo para realização de oficinas, podem entrar em contato pelos e-mails mau@lexxa.com.br e ncacampinas@terra.com.br.

Cineclube Indaiatuba

O Cineclube é um projeto que exibe filmes alternativos especialmente selecionados. As sessões acontecem no Topázio Cinemas do Shopping Jaraguá, sempre na segunda e na última terça-feira do mês, com uma reprise no sábado conseguinte. Nas sessões de terça-feira há um debate ao final da exibição do filme. Os ingressos para o Cineclube têm preço único de R$12,00 para o público geral e de R$6,00 para maiores de 60 anos.

Café, um dedo de Prosa será exibido no dia 31 de outubro, com reprise no dia 4 de novembro.

Topázio Cinemas

Fundado em 1962, o Grupo Topázio Cinemas atua no mercado de exibição cinematográfica na cidade de Indaiatuba, interior do estado de São Paulo. Atualmente o cinema é dirigido pela terceira geração da família Lui e está dividido em dois complexos, sendo um de quatro salas, localizado no Shopping Jaraguá, e outro de cinco salas, no Polo Shopping.

Com o cuidado de manter uma programação atual, diversificada e que atenda a todos os públicos, a Topázio Cinemas prioriza a qualidade em atendimento, infraestrutura, produtos e tecnologia para oferecer a cada cliente uma experiência única, satisfatória e mágica e dessa forma segue sendo referência no setor de exibição na região.

Serviço:

Exibição de Café – um dedo de prosa no Cineclube Indaiatuba

Data: 31/10 (3ªf) – 19h30, seguida de debate com o diretor Maurício Squarisi

Reprise: 4/11 (sáb.)

Local: Topázio Cinemas do Shopping Jaraguá – Endereço: Rua 15 de Novembro, 1200 – Centro – Indaiatuba – SP

Ingresso único: R$12,00 por espectador (Maiores de 60 anos: ingresso promocional de R$6,00 por espectador).

Acompanhe o Núcleo de Cinema de Animação de Campinas:

Blog: http://nucleodeanimacaodecampinas.blogspot.com.br/

Facebook: @ncacampinas.

Exposição no Galleria relata aventura dos Schürmann ao redor do planeta

Campinas, por Kleber Patricio

Fotos: divulgação.

De 25 de outubro a 3 de novembro, o Galleria Shopping recebe a exposição fotográfica Expedição Oriente, com imagens incríveis dos momentos mais emocionantes da última aventura da família Schürmann ao redor do planeta. A bordo do moderno e sustentável veleiro Kat, a tripulação percorreu 30 mil milhas, passando por 23 países e atracando em mais de 50 portos.

A diversidade cultural é um dos destaques da mostra, que poderá ser visitada gratuitamente na praça de eventos do primeiro piso do shopping, em frente à Livraria da Vila, de segunda a sábado das 10h às 22h e aos domingos e no feriado, das 14h às 20h.

Expedição Oriente resgata o pioneirismo da família, que há mais de 30 anos trocou a vida em terra firme pela liberdade dos mares e oceanos do planeta. Para os amantes de embarcações, a mostra também revela detalhes da ousada – e bem-sucedida – criação do veleiro Kat, um projeto moderno, sustentável e que venceu grandes desafios em sua estreia.

A primeira família brasileira a dar a volta ao mundo em um veleiro – e a fazê-lo por duas vezes – embarcou no novo veleiro Kat, em 21 de setembro de 2014, retornando aos mares e oceanos do planeta para um instigante desafio: a Expedição Oriente. A mais recente aventura foi concluída em 10 de dezembro de 2016, quando a tripulação ancorou na Marina Itajaí, em Santa Catarina, após 812 dias inesquecíveis, incluindo a primeira vez dos Schürmann na gélida Antártica e na cosmopolita China, entre outros destinos marcantes e fascinantes.

Serviço:

Exposição fotográfica Expedição Oriente

Quando: de 25 de outubro a 3 de novembro

Onde: praça de eventos do primeiro piso do Galleria Shopping (Rod. D. Pedro I, km 131,5, Jardim Nilópolis, Campinas, SP)

Horários: de segunda a sábado das 10h às 22h e aos domingos e no feriado, das 14h às 20h

Visitação gratuita.

Polo Shopping Indaiatuba recebe nova edição da Feira de Tapetes

Indaiatuba, por Kleber Patricio

Divulgação.

A Feira de Tapetes da Habitare Casa está de volta ao Polo Shopping Indaiatuba. Até 31 de outubro, na Praça Central do empreendimento, estarão expostos mais de três mil tapetes de diversas nacionalidades com formas de pagamento facilitadas ao consumidor.

Além da exposição dos tapetes, o espaço terá profissionais da Habitare Casa para orientar o consumidor com dicas de decoração e cuidados com os artigos. “Para essa edição nós trouxemos os mais diferentes tipos de tapetes belgas, egípcios, chineses, turcos e tapetes artesanais feitos à mão para todos os gostos e bolsos. Teremos também almofadas e mantas de sofá para deixar a decoração ainda mais completa. Tudo com uma condição de pagamento em até 10 vezes sem juros”, afirma Luiza Aniceto, do marketing da Habitare Casa.

Serviço:

Feira de Tapetes – Habitare Casa

Quando: até 31/10/2017

Horário: Segunda a Sábado das 10h às 22h e Domingo das 11h às 20h

Local: Polo Shopping Indaiatuba (Praça Central) – Alameda Filtros Mann, 670, Indaiatuba/SP

Participação gratuita.

6ª edição do Festival “Sabores da Terra” começa na segunda-feira (23)

Valinhos/Vinhedo, por Kleber Patricio

O Risotto di linguiça al vino rosso, do Laura e Francesco: um dos pratos principais criados para o festival. Fotos: Arian Carneiro de Mendonça.

Sucesso por onde passa, o Festival Gastronômico Itinerante Sabores da Terra prepara uma festa especial para a sexta edição. O evento acontece simultaneamente nas cidades de Valinhos e Vinhedo, na Região Metropolitana de Campinas (RMC), de 23 de outubro a 5 de novembro.

Os dias 4 e 5 de novembro (sábado) estão reservados para a tradicional festa de encerramento no Parque “Jayme Ferragut”, em Vinhedo, com o apoio da Prefeitura Municipal de Vinhedo. A entrada é um quilo de alimento não perecível. Valinhos já recebeu o Festival Gastronômico Itinerante “Sabores da Terra” em sua segunda edição há um ano. A novidade, agora, é a participação de Vinhedo, que pela primeira vez recebe o evento.

Durante 14 dias, os dez restaurantes selecionados vão oferecer aos visitantes uma experiência única da alta gastronomia, com pratos assinados por chefs conceituados e que também representam a diversidade de produtos regionais. Sob a temática Tons de Vinho, foram criados menus completos (entrada, prato principal e sobremesa) ao valor fixo de R$40 (almoço) e R$50 (jantar). O evento ainda possui as categorias combo sanduíche (R$25) e sobremesa (R$20). “Os clientes vão se surpreender com a criatividade dos chefs que souberam trabalhar muito bem a temática dessa edição que é uma homenagem a região que produz uvas em abundância”, pontua Arian Carneiro de Mendonça, que assina a curadoria de gastronomia.

A Porção Alemã do Zuphen Gastrobar: Salsicha Cervela em rodelas no vinagrete, salsichão Schüblig (carne suína, levemente defumada), salsichão Kalbsbratwurst (carne de vitela), Frikadellen (bolinhas de carne suína e bovina) e cesta de pães.

Os participantes da sexta edição da cidade de Valinhos são Laura e Francesco Cucina Italiana, comandada pela chef italiana Laura Bonaiuti, Via Margutta, Zuphen Gastrobar e 77 Burger The Original, que vai inaugurar na semana do evento. Em Vinhedo, participam Bolo e Cia, Café com Flores, D’Carioca Restaurante, Gourmet Boutique Gelatos Artesanais, Mercato Burguer Fatto a Mano e a Taverna do Chef Nico. Sob a batuta do chef Nicoló Ferdico, a casa é referência na região. Chef Nico como é conhecido, tem o título de embaixador da cozinha siciliana no mundo.

Os restaurantes que recebem o festival a partir do dia 23 são referências em suas especialidades.  Algumas casas já fizeram parte da edição 2016 em Valinhos; outras, atraídas pelo sucesso do festival, incluíram suas marcas no evento, eleito como um dos mais importantes do gênero no Estado de São Paulo.

Cultura gastronômica e sustentabilidade

A filosofia do festival é aproximar os chefs e cozinheiros do pequeno produtor, agricultores que respeitam a biodiversidade, para que esses alimentos mais saudáveis possam entrar nas cozinhas e chegar ao prato do consumidor com mais qualidade.

A Taça Cup Red Velvet da Bolo & Cia.: Bolo Red Velvet, mousseline de cream cheese, chantilly de natas, morango e calda de frutas vermelhas ao vinho.

“No Brasil ainda são poucos os que buscam essa alternativa, mas ações como essas que estamos propondo já trazem bons resultados. Queremos colocar o é na filosofia do slow food e percebemos ao longo das edições anteriores que várias casas passaram a comprar dos produtores regionais e também a população se aproximou da riqueza desses produtos e passou a comprar diretamente”, explica Renata Tannuri, da Elo Produções, que organiza o Sabores da Terra.

Festa encerra edição em Vinhedo

O formato da sexta edição do festival vai manter sua essência. Na festa de encerramento, nos dias 4 e 5 de novembro, estão previstas a presença de chefs e produtores de renome, que darão aulas e workshops gratuitos nos dois dias de evento. Os convidados são Gabriela Rossi, jornalista e apresentadora do canal Cozinha do Bom Gosto com sua Mousse de Vinho com flores da Calusne Farms; Chef Manuel Alves Filho, jornalista e idealizador do Chefs na Praça que vai ensinar Stracotto com Polenta na Madeira e Sangria; Chef Erick Alsaro, que é padrinho do festival e fará a tradicional Paella Caipira; do Café com Flores, de Vinhedo, os chefs Livia Flores, formada em gastronomia na Itália e seu irmão, chef Gabriel Flores, formado na Le Cordon Bleu Austrália, vão ensinar uma receita de família.

A Universidade São Francisco (USF), parceira do festival, dará todo o suporte para as aulas na festa, bem como sediará a aula fechada para convidados com o chef Ivan Achcar e com uma barista convidada pela Nespresso, também apoiadora do evento. Ex-jurado do programa Cozinheiros em Ação, do canal fechado GNT, Achcar é uma das principais atrações da sexta edição do Sabores da Terra. Com raízes interioranas, o renomado chef, que já esteve na 5ª edição, em Águas de Lindoia, confirmou presença em Vinhedo por ter se encantado com o formato do festival, que, segundo o chef, está fora da curva, uma vez que dá voz ao pequeno produtor e valoriza a gastronomia de raiz.

O combo de sanduíche do 77 Burgers The Original: Pão, Hambúrguer Angus de 180 g, queijo cheddar, bacon, alface, cebola roxa caramelizada no vinho tinto, tomate e molho Seven (acompanha bombom de mandioca de carne seca).

O público terá à disposição uma ampla praça de alimentação que será montada no Parque Municipal “Jayme Ferragut”, com pratos que representam em especial a culinária de raiz. Shows também fazem parte dessa grande festa, que tem apoio da Prefeitura de Vinhedo e a co-produção WB Vinhedo.

Como parceiros, o Sabores da Terra conta com a Castelo Alimentos, gigante do mercado nesse segmento e que patrocina o festival desde a primeira edição. Os menus contém produtos Castelo. Nespresso, Total Cozinhas, R4, Vinhedo Plaza Hotel, Valinhos Plaza Hotel, Universidade São Francisco (USF), Associação Comercial de Vinhedo e Lindoya Verão complementam o time de empresas e entidades que apoiam o festival.

Serviço:

Festival Gastronômico Itinerante “Sabores da Terra”

Período: 23 de outubro a 5 de novembro nas casas participantes

Evento de Encerramento

Data: dias 4 e 5 de novembro (sábado e domingo)

Horário: das 12h às 22h (sábado) e das 12h às 18h (domingo)

Local: Parque Municipal “Jayme Ferragut” – Estrada da Boiada, s/nº, Portal, Vinhedo/SP

Entrada: um quilo de alimento não perecível

Informações: (19) 99733-1398 ou e-mail renata@eloproducoes.com.br

Site: www.festivalsaborestaterra.com.br.

Fundação Ema Klabin recebe Festival Internacional de Música Judaica

São Paulo, por Kleber Patricio

Grupo Alpacas: jovens músicos especializados em música étnica. Foto: Ary Diesendruck.

No próximo sábado (21), às 16h30, a Fundação Ema Klabin, em São Paulo, será palco de dois concertos de abertura do 8° Festival Internacional de Música Judaica Kleztival.  Apresentam-se o grupo Alpacas e o trio In Canto, que em breve lança seu primeiro álbum, Memórias In Canto, com 14 canções judaicas.  Os shows têm entrada franca.

Produzido pelo Instituto da Música Judaica – Brasil (IMJ-Brasil), o Kleztival é uma mostra anual não competitiva de música judaica que objetiva preservar e divulgar a música klezmer, bem como promover o trabalho de artistas nacionais e internacionais que se dedicam a este tipo de música.

A 8ª edição do Kleztival acontece de 21 a 29 de outubro em vários espaços de São Paulo e recebe artistas do Brasil e do mundo. Para conhecer a programação completa, acesse   https://www.facebook.com/events/138749196749936/.

Sobre os artistas:

Grupo Alpacas – Formado por jovens músicos que buscam se especializar em música étnica, mais especificamente na música dos Balcãs, judaica e no Klezmer (gênero específico dos judeus Ashkenazim, do norte e leste europeu, nos sec. XVIII e XIX). Integram a banda Bia Pacheco (sax alto), Andre Fajerstejn de Almeida (clarinete), William Ferreira (violão, guitarra e bandolim), Rogerio Clementino (baixo elétrico) e Adam e Mark Diesendruck (que se revezam na bateria e percussão). O grupo tem direção musical da cantora e compositora Nicole Borger.

Trio In Canto. Foto: Edy Borger.

Trio In Canto – Formado há 10 anos, o trio, composto por Lea Gabanyi, Sonia Oppenheim e Vanessa Nunes, lança no dia 21 de outubro, em São Paulo, o primeiro CD do grupo, Memórias In Canto, com 14 canções judaicas.  Com direção do Maestro Beny Zekhry, foram gravadas músicas, melodias e preces que despertam lembranças da história judaica e da história pessoal de cada um. A música inicial, Mi SheBeirach, um tributo à cantora e compositora Debbie Friedman, inspirou o trio a iniciar o trabalho.

A Casa-Museu Ema Klabin reúne mais de 1.500 obras, entre pinturas do russo Marc Chagall e do holandês Frans Post, dos modernistas brasileiros Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Portinari e Lasar Segall, talhas do mineiro Mestre Valentim, mobiliário de época e peças arqueológicas e decorativas. A fundação comemora em 2017 dez anos.

O espaço cultural abre de quarta a domingo, das 14h às 17h (com permanência até às 18h), sem agendamento. Aos finais de semana e feriados a visita tem entrada franca; nos outros dias, o ingresso custa R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia).

Serviço:

Festival Internacional de Música Judaica Kleztival

Show com Grupo Alpacas e Trio In Canto

Data: 21/10/2017

Horário: 16h30

Entrada franca

Indicação: livre

Fundação Ema Klabin: Rua Portugal, 43 – Jardim Europa – São Paulo/SP – Fone: (11) 3897-3232.

Página 2 de 58412345...102030...Última »